Festival Flamenco Heritage

O importante legado do flamenco foi reconhecido em 2010 com a atribuição pelas Nações Unidas do título de Património Cultural Imaterial da Humanidade.

A sua história confunde-se com a da própria Espanha, das culturas ciganas e mouriscas e das influências árabes e judaicas.

A música e a dança flamenca são hoje mais do que nunca um símbolo espanhol e um expoente máximo da sua cultura no mundo.

O Festival Flamenco Heritage realiza-se este ano pela primeira vez, de 26 Outubro a 15 Novembro de norte a sul do País e também em Madrid (Espanha), assumindo a responsabilidade e o orgulho na divulgação desse legado e dessa história, procurando mostrar os melhores intérpretes e compositores da música e dança flamenca sem esquecer a sua fusão com a cultura portuguesa e ibérica.

Mais do que um legado, o flamenco é parte do sangue que corre nas veias de quem vive e respira esta música, este canto, esta dança, esta cultura. Espanhol, português, ibérico, do mundo…

Flamenco é paixão.

26 Out — 15 Nov

2017

Actuações Actuações Actuações Actuações Actuações Actuações

ENTRE DOS AGUAS. A Paco de Lucía

Gerado Nuñez, Hélder Moutinho e Pedro de Castro,
Carmen Cortés, Antonio Carbonell, Cepillo, Pablo Martín Caminero

Lagoa

28 Out — 21h30m

Centro de Congressos

do Arade

Lisboa

04 Nov — 21h30m

Aula

Magna

Évora

11 Nov — 21h30m

Teatro García

de Resende

Madrid

15 Nov — 21h30m

Teatro

Nuevo Apolo

Entre dos aguas, o álbum recompilatório do maestro Paco de Lucia, publicado em 1975, onde já incluía o fandango “Castro Marim”, dedicado à terra onde a sua mãe nasceu. Abrimos o nosso programa 2017 ao reconhecimento permanente ao maestro, através de um dos melhores guitarristas da atualidade e de um dos expoentes actuais do fado Hélder Moutinho e do brilhante Pedro de Castro na guitarra portuguesa, como artistas convidados.São eles os responsáveis do tributo ao grande maestro Paco de Lucia.

RAÍCES. Extremadura Flamenca

O Flamenco da Extremadura tem uma enorme importância no tecido musical do flamenco como património imaterial da humanidade. Miguel Vargas, patriarca e criador dos toques da Extremadura, escreve a sua própria história no flamenco quando cria um estilo- “os Jaleos” – puro “soniquetazo” com sabor a Extremadura. Acaba de ganhar o prémio “Tio Luis el de la Juliana 2016” – Colegio Mayor Universitário Isabel de Espanha”, que partilha agora com Paco de Lucia, Serranito y “El Pele”.

RAÍCES. Extremadura Flamenca

Miguel Vargas, Juan Vargas, “La Kaita”, Alejandro Vega, “El Peregrino”

Aveiro

31 Out — 21h30m

Teatro

Aveirense

Lisboa

03 Nov — 21h30m

Aula

Magna

Campo Major

10 Nov — 21h30m

Centro

Cultural

FLAMENCO DE SANGRE.
Grande gala de baile flamenco.

El Yiyo y el Tete, Miguel Ángel Montero Martín, José Sargero Alunda,
Jacobo Cristóbal Sánchez + Artistas invitados.

Lisboa

03 Nov — 21h30m

Aula

Magna

Vila do Conde

04 Nov — 21h30m

Teatro

Municipal

Miguel Fernández, El Yiyo, é indiscutivelmente a nova figura do mundo do Flamenco. Com apenas 20 anos conta com mais de 30 atuações nos festivais de Flamenco e teatros de Espanha, França, Portugal e Taiwan. Ricardo Fernández, El Tete começa a seguir os passos do seu irmão desde os 14 anos. Depois de uma aprendizagem meteórica, demonstra com apenas 16 anos que é um bailaor de calibre.

Off Festival Off Festival Off Festival Off Festival Off Festival Off Festival Off Festival

FLAMENCO FILMS 2017

Lisboa

26 Out a 28 Out

Fórum

Lisboa

26 Out — 19h

Morente Sueña la Allambra

Documental 2005. Direção José Sanchez Montes

27 Out — 19h

Duende y misterio del flamenco

Documental 1952. Direção Edgar Neville

28 Out — 21h30m

Paco de Lucía: la búsqueda

Documental 2014. Prémio Goya 2014. Direção Curro Sanchez. Curta metragens e micro atuações ao vivo. Com a colaboração do Instituto Cervantes de Lisboa.

EXPOSIÇÃO

19 Out a 05 Nov

Inauguração

19 Out 18h00

Lisboa

Instituto Cervantes

Diego Gallardo López.

Extremeño. Licenciado em Historia de Arte na Universidade da Extremadura. Toma contacto com o mundo da imagem, ”uma verdadeira forma de entender e plasmar a vida” tal como ele diz. Em 2004 une a fotografía ao Flamenco. As suas referências na Fotografía Flamenca são Colita, Pepe Lamarca, Elke Stolzember, Paco Sanchez e Toni Blanco. É a partir de 2010 que se centra na nova série com o titulo “ amencuras”, um corte com a primeira etapa, na qual se afasta de convencionalismos e aprofunda a essência amenca.

ACTUAÇÃO

Lisboa

27 Out — 22h00

Fórum

Lisboa

Marco Alonso Group.

O projeto Marco Alonso Group nasceu há mais de uma década em Setúbal. Desde então os músicos Marco Alonso e Helder Luís Pereira têm vindo a desenvolver e a criar uma identidade própria no mundo da música moderna/contemporânea. Difícil de esclarecer e definir influências, Marco Alonso Group trata de uma abordagem a um estilo muito próprio de Flamenco Moderno com in uências Jazzísticas e novas sonoridades no contexto da “World Music”.

MASTERCLASSE

Lisboa

03 Nov — 18h00m

Lisboa

Instituto Cervantes

Juan José Tellez.

Maestros. Paco de Lucía: El Hijo de la Portuguesa. Solea El Niño Ricardo. Juan José Tellez. Escritor e jornalista Espanhol. Colaborador em vários meios de comunicação (imprensa, rádio e televisão).Fundador de várias revistas e coletivos contra culturais, recebeu vários prémios jornalísticos e literários. Foi diretor do diário Europa Sur e exerce atualmente como jornalista independente para vários meios de comunicação.

MASTERCLASSE

Lisboa

03 Nov

Espaço Xuventude de Galicia no Centro Galego de Lisboa

El Yiyo.

Miguel Fernández, EL YIYO, é indiscutivelmente a nova figura do mundo flamenco. Com apenas 20 anos conta com mais de 30 atuações nos festivais de flamenco e teatros de Espanha, França, Portugal e Taiwan.

Conteúdos e Produçao:

Patrocinadores:

Apoios:

Apoios institucionais:

Media Partners: